Assembléia Geral

Associação de Cegos Louis Braille


Edital de Convocação de Assembleia Geral Ordinária

A Associação de Cegos “Louis Braille”, entidade civil, beneficente, com fins não econômicos, CNPJ 17.501.842/0001-20, com sede em Belo Horizonte – MG, à Rua Geraldo Teixeira da Costa 202, convoca seus associados, em pleno gozo dos seus direitos estatutários, para em Assembleia Geral, a realizar-se em sua sede, no dia 17 de maio de 2021, às 19:00 horas, em primeira convocação, às 20:00 horas em segunda convocação, com qualquer número de presenças, para apreciar o Relatório Anual da Diretoria, referente ao exercício de 2020, analisar e aprovar as Contas e o Balanço Geral da Associação, referente ao mesmo exercício, mediante parecer do Conselho Fiscal, dar conhecimento do Plano de Trabalho e Proposta Orçamentária para o exercício de 2021. Belo Horizonte, 04 de maio de 2021. Caio Mucio Barbosa Pimenta – Presidente.

Balanço de Contas

Edital de Convocação

Mostra da Diversidade Cultural

🎉VAI COMEÇAR!!

❗Mostra da Diversidade Cultural: Imagens da Cultura Popular – RMBH

📽️ Favela é Isso Aí exibe, a partir da próxima sexta-feira, dia 26/03/2021, a primeira ação do edital de premiação.

🎞️O QUE VAMOS VER?

📍Apresentações artísticas
📍Oficinas
📍Rodas de conversa
📍Documentários

🤷🏽‍♂️ONDE?

🤳🏼No no canal da associação Youtube – link na bio

🍿A mostra videográfica reúne manifestações culturais e fazeres artísticos de 16 projetos realizados na Região Metropolitana de Belo Horizonte, focados na preservação do patrimônio imaterial de Minas Gerais e na transmissão de saberes.

📌Projetos:
✔️O Samba é meu dom
✔️Casa das Poesias
✔️Retratos – artistas visuais e grafiteiras
✔️Realidades Artísticas – criação em danças em plena pandemia covid 19
✔️Roots ativa – oficina de plantas medicinais
✔️Chorinho de emoção
✔️Moda, memória afetiva, customização e sustentabilidade
✔️Roda de conversa com Meninas de Sinhá
✔️Tesoureiros – em busca das capitais de Minas Gerais
✔️Roda de Viola em asilos
✔️Seresta Canto de Amor
✔️Sou Geração Alegria
✔️Black na Laje
✔️Morro do Papagaio 50 Mais
✔️Afrofotografias – oralidade e exercício de memória das matriarcas do quilombo dos Luízes
✔️Entre Tramas e Histórias – A memória viva das senhoras do Grupo Teatro Entre Elas

🌀PROGRAMAÇÃO COMPLETA nos próximos post.

A Mostra da Diversidade Cultural, é uma realização da ONG Favela é Isso Aí, Secretaria Especial da Cultura do Ministério do Turismo, Governo Federal – pátria amada Brasil e Medsênior, viabilizada por meio da Lei Federal de Incentivo à Cultura.

favelaeissoai #medsenior #ampliar #culturapopular #manifestacaopopular #MinasGerais #editalcultural #culturaearte #bh #contagem #premiocultural #mostradearte

Show Nossa Amizade

Show Nossa Amizade em comemoração aos 84 anos da Associação de Cegos Louis Braille com Sá e Gabriel Sater

Luiz Carlos de Sá e Gabriel Sater montaram uma apresentação com músicas que compuseram e vão realizá-la, em caráter beneficente para a Associação de Cegos Louis Braille, no dia 07 de novembro às 21 horas.

Sá & Gabriel Sater | Nossa Amizade

Show Nossa Amizade | Sá & Gabriel Sater | dia 07/11/2017 | SESC Palladium

Este é o nosso pedido — ajude a divulgar e solicite apoio para o show. Use a extensão da sua rede: Instagram, Telegram, WhatsApp, Twitter, Facebook, Blogs, etc. Use o espirito de cidadania e a criatividade para criar sua própria mídia ou retransmita o cartaz feito pela voluntária.

E venha no dia 07/11 assistir e confirmar o sucesso do seu trabalho de divulgação!

Dia 07/11 às 21 horas no SESC Palladium
Av. Augusto de Lima, 420 – Centro
Informações: 3270-8100

Ingressos no link do site Ingresso Rápido:
https://www.ingressorapido.com.br/venda/?id=2774

Convite para Audiência Pública

Audiência Pública para tratar da inclusão das pessoas com deficiência no mercado de trabalho

Convidamos todos(as) a participarem da Audiência Pública que acontecerá no dia 22 de setembro de 2017, de 08:30 às 12:30, no auditório da Procuradoria Regional do Trabalho da 3ª Região, localizada à Rua Bernardo Guimarães, nº 1.615, Bairro Funcionários, Belo Horizonte – MG.

Mais informação no Edital:
Edital – Audiencia Publica – FIA PCD

A força e a importância do Outubro Rosa

O câncer de mama é uma doença causada pela multiplicação de células anormais da mama que formam um tumor. Há vários tipos de câncer de mama, alguns tipos têm desenvolvimento rápido enquanto outros são mais lentos. Visando a conscientização da prevenção pelo diagnóstico precoce nasceu o Outubro Rosa, movimento popular comemorado em todo o mundo.

vorsorge

O nome remete à cor do laço que simboliza mundialmente a luta contra o câncer de mama e estimula a participação da população, empresas e entidades. Este movimento começou nos Estados Unidos, onde vários estados tinham ações isoladas referente ao câncer de mama e ou mamografia no mês de outubro, posteriormente com a aprovação do Congresso Americano, esse mês se tornou o mês nacional (americano) de prevenção do câncer de mama. Para sensibilizar a população inicialmente as cidades se enfeitavam com os laços rosas, principalmente nos locais públicos, depois surgiram outras ações como corridas, desfile de modas com sobreviventes (de câncer de mama), partidas de boliche e etc.

Infelizmente são esperados para o Brasil em 2016,  57.960 novos casos de câncer de mama, tipo de câncer mais comum entre as mulheres no mundo e no Brasil. Depois do câncer de pele não melanoma, o câncer de mama responde por cerca de 25% dos casos novos a cada ano. Sem considerar os tumores de pele não melanoma, esse tipo de câncer é o mais frequente nas mulheres das Regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e Nordeste.

O importante na realidade é focar este sério assunto nos 12 meses do ano, já que a doença é implacável e se faz presente não só no mês de outubro. No entanto, este mês é representativo para a causa, tornando-se especial e destacado dos demais.

Assim como o câncer de mama, existem outras doenças podem ser evitadas com antecedência por meio da prevenção. Não deixe sua saúde para trás, mantenha os cuidados em dia e garanta uma vida saudável e tranquila.

Via: Outubro Rosa | INCA

Simpósio: Arte e deficiência visual – UFMG

Este simpósio parte da ideia de que uma suposta limitação não é somente algo que pode tornar impossível uma determinada experiência, mas é, sobretudo, a possibilidade de descobertas de novas maneiras de fazer e perceber o mundo.

Programação

✦ Dia 26 de agosto

Práticas artísticas sem o uso da visão

– Local: Sala Espaço Cardoso, Teatro Universitário UFMG

● 09:00 às 12:30 –  Oficina de Dança (Profas. Marise Dinis e Anamaria Fernandes)

● 14:00 às 15:30 – Oficina de Circo (Profa. Maria Clara Lemos dos Santos)

● 16:00 às 17:00 – Oficina de Fotografia (Prof. Lelo Araújo)

 

✦ Dia 27 de Agosto

– Local: Auditório da Escola de Belas Artes/UFMG

● 14:00 – Café concerto

● 14:30 –  Exibição fotográfica do artista Lelo Araújo

● 15:00 – Palestras:

“Artes visuais e deficiências visuais” – Prof. Flávio Oliveira

“Audiodescrição em dança” – Profa. Lilian Freitas Vilela

● 16:00 – Partitura em Braille – Centro de Apoio ao Deficiente Visual – UFMG

● 16:30 – Debate sobre o simpósio

● 17:30 – Performance: dança, improvisação e audiodescrição com Marise Dinis, Lilian Vilela e Anamaria Fernandes

● 18:00 – Encerramento do Simpósio

________________________________

Acessibilidade:

✦ Dia 26 (Sala Espaço Cardoso): Entrada pela Antônio Carlos, 1º rua à direita, 1º prédio à direita. A sala fica no primeiro andar.

✦ Dia 27 (Auditório da Escola de Belas Artes): Entrada Antônio Carlos, 1º prédio à direita. Possibilidade de acesso por elevador.

Qualquer dúvida ou dificuldade quanto à acessibilidade ligar para:

Anamaria Fernandes: 99870 9652 ou Duna Dias: 99272 1427

________________________________

Inscrições: gratuitas e obrigatórias.

Vagas limitadas: anamariafernandes160@gmail.com

XII Arraiá das Cegas

O nosso Arraiá das Cegas aconteceu no dia 25 de junho e como já era esperado, foi um grande sucesso!
A festa começou às 17h no Instituto São Rafael e a alegria e fartura tomaram conta do local. Caldos, canjica, pipoca e quentão à vontade fizeram parte da festa aquecendo a todos os convidados naquela noite agradável.
A ACLB gostaria de agradecer a todos os envolvidos e voluntários que trabalharam para a realização dessa festa, desde o planejamento até a execução. Agradecemos também ao Centro Cultural Arraiá do Me Larga Cumade pela apresentação de quadrilha maravilhosa e cheia de energia que complementou nossa noite.
Que venha o próximo Arraiá das Cegas!

Confira as fotos:

P1030325P1030327P1030368P1030378P1030338P1030345

Aula de modelagem em cerâmica

As moradoras da ACLB estão tendo aulas de modelagem em cerâmica todas as sextas-feiras, ministrada pela voluntária Cláudia Maria que anteriormente fez um trabalho semelhante no Instituto São Rafael.

Cláudia diz que o objetivo da aula é fazer com que as alunas percebam através do tato as formas e texturas da cerâmica, além de poderem desenvolver suas capacidades de conhecimento e habilidade manuais em trabalho com detalhes pequenos, bem como noções do espaço e seus planos.

As moradoras estão abraçando a ideia que além dos benefícios já citados pela Voluntária Cláudia, age de forma relaxante e terapêutica.
Confira um pouco do desenvolvimento das aulas:

SAM_2228

Moradoras do Lar das Cegas

SAM_2287

Jéssica (cuidadora), Cartiene e Maria Aparecida.

SAM_2282

Chica trabalhando com a argila

SAM_2286

Voluntária Cláudia auxiliando a Izaulina

IMG_20160520_141948232_HDR

Voluntária Cláudia auxiliando as moradoras

Esse tipo de atividade é possível quando pessoas como a Cláudia se disponibilizam a fazer o bem por meio daquilo que sabem fazer. Ser voluntário é mais que uma boa causa, é satisfação pessoal e crescimento social. Venha ser um voluntário também.

Cinco meios de comunicação com um surdocego

A surdocegueira se dá quando a visão e a audição são prejudicadas simultaneamente e em graus de perda diferentes. Ela não é uma somatória das deficiências, podendo não haver a perda total dos dois sentidos.

Por ser desprovida de dois sentidos sensoriais importantes, a pessoa com surdocegueira tem dificuldades para desenvolver a compreensão do ambiente, o que muitas vezes pode gerar um isolamento das informações ao seu redor. Pensando nisso, reunimos cinco meios que podem te ajudara entender a comunicação com um surdocego.

IMG_9892

Cuidadora Amanda falando com a moradora Francisca

1. INTÉRPRETES E LÍNGUA DE SINAIS

Um surdo de nascença tem a língua de sinais como a materna. Com a perda visual, o surdocego visualiza mentalmente as características de cada sinal através do movimento. Já o intérprete do surdocego, na maioria das vezes exerce também a função de guia e guia-intérprete.

2. BRAILLE

A técnica Braille consiste de pontos em relevo que combinados formam letras e números. A técnica Braille constitui-se de “seis pontos não obrigatoriamente em relevo” para estabelecer uma comunicação, ou seja, onde houver a possibilidade de trabalhar “seis pontos”, a técnica Braille estará sendo usada e bem aceita.

3. ALFABETO DACTICOLÓGICO

Cada uma das letras do alfabeto corresponde a uma determinada posição dos dedos da mão. Trata-se do alfabeto manual utilizado pelas pessoas surdas. Apenas no caso da surdocegueira que esse alfabeto é adaptado para a versão tátil.

4. TABLITAS DE COMUNICAÇÃO

Fabricadas em plástico sólido, as letras e os números são representados em relevo,assim como caracteres do sistema Braille. As letras e os números estão superpostos aos caracteres Braille. O dedo da pessoa surdocega é levado de uma letra/número a outra (o) ou de um caractere a outro, estabelecendo desta forma a comunicação.

5. LETRAS DE FORMA

A única condição necessária para que funcione é que nosso interlocutor conheça as letras maiúsculas do alfabeto: As letras são feitas na palma da mão, ou em qualquer outra parte do corpo do surdocego. Então o dedo indicador do interlocutor ou o dedo do surdocego funcionam como uma caneta.

Pode parecer complicado se comunicar com uma pessoa surdocega e a falta de instrução pode ajudar para que isso seja verdade. Mas com um pouquinho de ajuda e muito carinho, todos nós somos capazes de nos entender.

Fonte: Olhos da Alma

XI Festival de Sorvete

Realizamos com sucesso a 11° edição do Festival de Sorvete da ACLB. O evento aconteceu neste sábado, dia 19, e pudemos compartilhar uma tarde agradável ao lado de todos os presentes.

Gostaríamos de agradecer ao Colégio Nossa Senhora das Dores por nos ceder o espaço necessário. Somos gratos também a todos que de alguma forma contribuíram para a realização do nosso evento, desde o planejamento até a execução.

Confira aqui algumas fotos do nosso evento e aguardamos você no nosso próximo Festival.

P1030260P1030201P1030297P1030220P1030267